Honda

Honda Biz 2018: ela mudou, e um bocado

A Honda já vinha prometendo mudanças em um de seus produtos mais populares no mercado brasileiro, com direito a teaser e contagem regressiva. Pois, na véspera da abertura do Salão Duas Rodas, em São Paulo, o mistério acabou: as motonetas Biz 110i e 125i estão de roupa nova. Seria difícil revolucionar um modelo que tem compromisso com a simplicidade (e o preço acessível) mas, na medida do possível, os japoneses capricharam a ponto de se poder falar em uma nova geração.

Uma prova? O painel totalmente digital em LCD. Além disso, farol (e carenagem de proteção); indicadores de direção e o escudo dianteiro de proteção foram redesenhados, ganhando um ar mais próximo ao dos scooters. Mudanças também no desenho das laterais, da rabeta e da alça para o garupa. O porta-objetos sob o assento está mais amplo, a abertura do mesmo se dá por meio da chave de ignição e ainda há um gancho retrátil na dianteira para fixar sacolas ou outros tipos de carga.

A motorização é que não muda: os consagrados monocilíndricos refrigerados a ar de 110cc e 125cc Flex com câmbio de quatro velocidades (quem se lembra do lançamento da primeira Biz, em 1998, há de recordar o slogan “com tudo ela combina, só não combina com posto de gasolina). O sistema CBS, que divide a ação da frenagem entre as duas rodas passa a ser de série nos dois modelos – o disco dianteiro é exclusividade da 125cc. Os preços sugeridos (base São Paulo) são de R$ 7.590 (110cc) e R$ 9.390 (125cc), com garantia de três anos e sete trocas de óleo incluídas.

unnamed (22) unnamed (21)

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Vídeos

Mais Lidas

Topo