Curiosidades

Mais um recorde em Nurburgring: agora é a Jaguar

O mais completo campo de provas para testes em alta velocidade. É assim que pode ser definido o Nordschleife, o “Circuito Norte” de Nurburgring, na Alemanha, não por acaso conhecido como Inferno Verde. São 20.832m com 73 curvas (a maioria cegas), áreas de escape praticamente inexistentes e um sobe e desce constante. Andar rápido aqui é atestado de gente grande para os pilotos e de trabalho bem feito para as máquinas.

Pois além de submeter seus produtos a quilômetros e mais quilômetros de sofrimento no meio da Floresta Negra, as fábricas começaram a brigar pelos recordes da pista para as diversas categorias. Ser o mais rápido de um segmento ou classe no Nordschleife se transformou em forte argumento de marketing.

Pois a última a inscrever seu nome nessa galeria especial foi a Jaguar, com a versão SV (vitaminada pelo departamento de veículos especiais) de seu sedã XE, empurrado pelo V6 3.0 com compressor volumétrico que despeja 600cv nas rodas traseiras. A principal modificação em relação à versão de produção é a montagem de uma gaiola de proteção em aço (uma das poucas concessões feitas para que a originalidade do modelo seja mantida e o recorde homologado).

O escolhido para comandar a máquina foi o experiente belga Vincent Radermecker, com vitórias em importantes provas de turismo e GT (o material da Jaguar não cita o nome do responsável pela façanha, por mais incrível que pareça). Ele ainda se deu ao luxo de encarar os quase 21 quilômetros com o sistema multimídia e o ar condicionado ligados, mostrando que havia margem para fazer ainda mais. A meta era fechar a volta abaixo dos oito minutos (por isso o Project 8 que o exemplar ganhou no sobrenome). O que foi conseguido. Qual o tempo? Clique no vídeo abaixo e confira…

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Vídeos

Mais Lidas

Topo