Superesportivos

McLaren chega à marca de 20 mil veículos produzidos

Mesmo com toda a tradição trazida das pistas desde a criação, pelo neozelandês Bruce McLaren, obter sucesso em um mercado exclusivo e diferenciado como o dos superesportivos produzidos em escala industrial não é missão das mais fáceis, especialmente encarando pesos pesados como Ferrari, Lamborghini, Porsche, Aston Martin e Maserati. Pois menos de oito anos depois de produzir seu primeiro veículo, em sua sede de Woking, a McLaren alcança a marca das 20 mil unidades.

O modelo que garantiu a façanha é um 600 LT Spider produzido para o mercado inglês (direção do lado direito). “No ano passado, montamos manualmente pouco mais de 4.800 carros e planejamos manter cerca de 5.000 carros por ano no futuro imediato. Enquanto a demanda por nossos produtos continuar a crescer, pretendemos equilibrar isso para manter a exclusividade para nossa marca e nossos clientes. É apropriado comemorar essa conquista com um 600LT Spider, que tem sido um enorme sucesso para nós”, destacou Mike Flewitt, CEO da McLaren Automotive.

E nesta quarta-feira (15) a marca, que conta com representante no Brasil (a Eurobike, em São Paulo) revela mais um produto de sua gama, o GT, um grã-turismo com proposta de equilíbrio entre esportividade e conforto. O Seminovos BH Notícias mostra a novidade.

360625_879337_20k_group_shot (1)

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Vídeos

Mais Lidas

Topo