Híbridos e elétricos

Rivian quer ser a ‘Tesla das picapes’

Enquanto as montadoras pelo mundo e empresas criadas exclusivamente para fabricar modelos movidos a eletricidade trabalham no desenvolvimento de SUVs, hatches, veículos comerciais (vans, caminhões e ônibus), era de se perguntar porque ninguém resolveu apostar em um dos segmentos mais lucrativos em mercados como o norte-americano: o das picapes. Pois uma empresa da terra do Tio Sam resolveu tomar a frente e, pelo visto, com sucesso. Fundada em 2009 pelo engenheiro mecânico RJ Scaringe, a Rivian passou sua primeira década buscando financiamentos e desenvolvendo o projeto da R1T, picape média que começará a ser produzida no ano que vem e já pode ser reservada, com preço estimado em US$ 69 mil, ou cerca de R$ 273 mil.

Segundo a Rivian, a R1T consegue oferecer conforto, capacidade de carga (800kg) e reboque (5 toneladas), além de ângulos de entrada e saída dignos de um uso em pisos acidentados sem colocar em risco baterias e motores elétricos. Os quatro motores elétricos, um por roda, garantem potência que pode chegar a impressionantes 750hp e 1400kgf.m de torque, com autonomia média de até 600 quilômetros sem recarga. A R1T tem comprimento de 5,47m e largura de 2 metros. O interior tem linhas que misturam modernidade e o jeitão tradicionalista capaz de agradar aos norte-americanos – a princípio, o mercado doméstico será prioridade para a empresa sediada em Irvine, na Califórnia, que pretende ser uma ‘Tesla’ das picapes. Um projeto de SUV de grande porte (R2S) também já está em andamento e será, se os planos se confirmarem, o segundo a ganhar as ruas.

 

img--car-left-facing-truck img--product-feature-carousel-truck-large-1 img--car-side-view-truck

Maio Amarelo 2019 Horizontal black SENDINBLUE

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Vídeos

Mais Lidas

Topo