Sem categoria

Uma Ferrari por ‘apenas’ R$ 130 mil. Mas num estado…

Se há duas palavras que não combinam no mundo do automóvel são Ferrari, e barata. A exclusividade e a tradição dos modelos de Maranello têm um preço, que nem é o mais elevado considerando o universo de fabricantes de superesportivos. Se estamos falando de modelos históricos, no entanto, o céu é o limite. Não é raro ver, nas mostras internacionais de clássicos, exemplares raros serem leiloados por valores que batem nos US$ 10 milhões (cerca de R$ 31 milhões). Recentemente, por exemplo, o carro de corrida usado pelo heptacampeão mundial de Fórmula 1 Michael Schumacher no GP de Mônaco de 2001 trocou de mãos (já pertencia a um colecionador) por US$ 7,5 milhões. E o mesmo furor acontece com os modelos de rua.

Há alguns casos, no entanto, que desafiam a lógica, como este encontrado pelo blog italiano Autoblog.it. A casa norte-americana de leilões Copart pôs à venda a sucata de uma BB512 (Berlinetta Boxer, com um V12 de 5 litros, o que explica a sigla) fabricada em 1983. A princípio, o modelo não tem qualquer valor agregado, como o de ter sido de uma celebridade, por exemplo. E, pelas imagens, não resta dúvida que uma recuperação é possível mas, para manter a originalidade – a própria Ferrari tem um departamento em sua fábrica destinado a reparar modelos antigos com as especificações do projeto – não será propriamente uma pechincha. O interior, por exemplo, terá de ser completamente refeito. Pois o martelo foi batido por, pasme, US$ 39.750. O que, nos nossos desvalorizados reais, representa algo em torno de R$ 130 mil.

Fica então a dúvida: o que terá de tão especial o exemplar leiloado? Não se sabe a identidade do comprador mas, pelo visto, ele acredita ser capaz de fazer o modelo voltar a seu esplendor (e quem sabe vender por algumas vezes o valor investido). Ou então, é pura loucura mesmo…

ferrari512bbasta-1 ferrari512bbasta-3 ferrari512bbasta

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Vídeos

Mais Lidas

Topo