Lançamentos

Classe A ganha bumbum na China. Por aqui…

O mercado chinês é tão promissor e disputado que, como o Seminovos BH Notícias já mostrou, as montadoras ocidentais, que antes empurravam qualquer tipo de produto (vale lembrar que o nosso VW Santana fez sucesso por lá muito mais tempo do que no Brasil), agora desenvolvem modelos específicos, ao gosto do consumidor local. Os alemães, principalmente, criaram versões alongadas de sedãs, SUVs e hatches, apostando na preferência dos chineses por mais espaço.

Pois a Mercedes aproveita o Salão de Pequim, que abre as portas nesta quarta-feira, para apresentar ao mundo uma novidade em sua gama, pensada inicialmente para os chineses. Depois de revelar a renovada versão do Classe A que nasceu como hatch e continua oferecido nessa configuração, a engenharia da casa da estrela resolveu adicionar um bumbum ao compacto e criar também um sedã, o A Class L-Sedan.

Aí você pode perguntar: mas o que significa o L da sigla? L de large, ou mais comprido. Sim, porque não foi apenas o caso de manter a plataforma do hatch com espaço para o (curtinho) porta-malas projetado na traseira. O entre-eixos foi aumentado em seis centímetros para que ninguém reclame de aperto nas duas fileiras de assentos. E quem poderia imaginar que a traseira teria um jeitão de Classe C adaptado se enganou. Os alemães conseguiram dar uma personalidade própria ao modelo, com lanternas que invadem a tampa do porta-malas e compõem um conjunto bastante harmonioso.

No interior, a atração é o mesmo sistema multimídia MBUX (Mercedes-Benz User Experience) lançado no hatch. E a motorização escolhida para os chineses é um relativamente modesto quatro cilindros em linha 1.3 aspirado todo em alumínio com opções de 100cv e 120cv. Em seguida, será a vez do quatro cilindros 2.0 de 140cv. Todas as configurações virão de série com o câmbio automático 7G‑DCT de dupla embreagem.

Aí você leu o título do post e pensou assim: “ah, mas então é coisa para chinês ver e comprar que não chegará por aqui”. Errado. No meio do material de divulgação, quase escondida, está a informação de que “uma versão do modelo para os mercados ocidentais será apresentada em algum momento do segundo semestre”. Provavelmente com o entre-eixos tradicional do hatch. Mas, em se tratando da Mercedes, não há dúvidas: se está a venda, será oferecido no Brasil. Gostou? Então pode começar a encher o porquinho…

Mercedes-Benz A-Klasse, Z 177, China, Limousine mit langem Radstand  Mercedes-Benz A-Class, Z 177, China, Sedan, long wheel base

Mercedes-Benz A-Klasse, Z 177, China, Limousine mit langem Radstand  Mercedes-Benz A-Class, Z 177, China, Sedan, long wheel base

Mercedes-Benz A-Klasse, Z 177, China, Limousine mit langem Radstand  Mercedes-Benz A-Class, Z 177, China, Sedan, long wheel base

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Vídeos

Mais Lidas

Topo