Automobilismo

Rally Minas Brasil: festa de velocidade na lama

© 2018 Cadu Rolim

Cadu Rolim/DFotos

Marcos Baumgart e Kleber Cincea (vencedores entre os carros)

333016_772503_7

Douglass Fagundes/DFotos

Elias Folly, o campeão sobre duas rodas

O fim de semana marcou a volta de Minas Gerais ao calendário dos eventos nacionais do rally com a primeira edição do Rally Minas Brasil, válido pelo Brasileiro de Baja/Cross-Country. Nos dois dias de competição, quase uma centena de inscritos de todas as partes do país encarou um percurso técnico e trabalhoso em torno de Conceição do Mato Dentro, na região da Serra do Cipó, exigindo atenção máxima e perícia de pilotos e (quando era o caso) navegadores. As trilhas e estrada de terra do percurso ficaram ainda mais desafiadoras com a chuva, que transformou a poeira em lama – dosar a potência no piso escorregadio e com poucas áreas de escape para ajudar em caso de erros se tornou decisivo.

Ao todo foram 231 quilômetros de velocidade máxima no sábado e domingo, com as disputas acirradas nas várias categorias – motos, quadriciclos, UTVs e carros/picapes cross-country. Não faltaram competidores com participações destacadas em provas como os ralis Dakar e dos Sertões. O destaque foi o domínio da família Varela entre os UTVs. Filhos de Reinaldo Varela (vencedor do último Dakar entre os veículos utilitários esportivos), Rodrigo e Bruno Varela ficaram, respectivamente, com a vitória e o terceiro lugar – a posição no degrau mais alto do pódio foi garantida por apenas 23 segundos, com Cristiano Batista em segundo.

Classificação final – Rally Minas Brasil

Motos

1º Elias Campideli Folly, 4h53min54s

2º Rubens Neiton, 4h57min37s

3º Kelder Campos, 4h57min37s

4º Francine Rossi, 4h58min53s

5º Marco Antonio Pereira, 5h04min53s

Quadriciclos

1º Geison Pinheiro Belmont, 11h20min19s

2º Richard Amaral, 13h09min03s

UTVs

1º Rodrigo Varela, 4h29min24s

2º Cristiano Batista, 4h29min47s

3º Bruno Varela, 4h30min36s

4º Daniel Costa, 4h31min09

5º André Hort, 4h31min22s

Carros/Cross-country

1º Marcos Baumgart e Kleber Cincea, 4h56min19s

2º Marcos Moraes e Fábio Pedroso, 4h59min26s

3º André Miranda e Cadu Sachs, 5h03min42s

4º Luiz Carlos Nacif e Neurivan Calado, 5h12min55s

5º Paulo Roberto de Góes e Gustavo Schmidt, 5h19min57s

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Vídeos

Mais Lidas

Topo