Segurança

VW Fox passa no teste de impacto, mas perde estrela

Mensalmente o Instituto Latin NCAP, parte do Global NCAP, que verifica as condições de segurança dos veículos vendidos em todo o planeta, destroça um (ou mais) modelo por uma ótima causa. A ordem é avaliar o nível de proteção oferecida aos ocupantes adultos e infantis, identificar áreas em que é necessário avançar e mostrar virtudes e carências de projeto. Pois o de março já havia passado anteriormente pela prova e, como na anterior, em 2015, foi aprovado, embora com ressalvas.

Parte da gama da VW com números surpreendentes de vendas apesar do peso dos anos e da concorrência interna com Gol, Up e Polo, o Fox/Cross Fox (comercializado na Argentina como Suran) obteve desta vez três estrelas, num máximo de cinco, tanto na proteção aos ocupantes adultos quanto na oferecida às crianças, desde que alojadas corretamente no assento especial.

No teste anterior, haviam sido quatro estrelas para os adultos, uma redução que se explica com a mudança no protocolo – o modelo não traz como item de série os controles de tração e estabilidade, o que limita a pontuação. Os airbags frontais obrigatórios oferecem proteção adequada às cabeças e  pescoços do motorista e do passageiro, assim como os cintos de segurança com pretensores e limitadores de carga. As áreas mais expostas, segundo o relatório, em um choque dianteiro, são o tórax do motorista e os joelhos dos passageiros, mas a estrutura geral do veículo é considerada estável. Já no teste de impacto lateral, tanto motorista quanto passageiro contam com proteção considerada ‘fraca’ para a região torácica.

Quanto às crianças, o Isofix garante segurança adequada no caso do assento voltado para trás (até 18 meses), enquanto, na posição usada para os maiores, “não foi capaz de impedir o movimento excessivo para a frente”.

 

Volkswagen_Suran-Fox_+_2_Airbags_

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Vídeos

Mais Lidas

Topo